Inscrições abertas para a 3ª Jornada do Conhecimento da Fundação Volkswagen

O evento terá como tema “Avanços e oportunidades para a educação inclusiva no Brasil”
Publicado em
Rodrigo Hübner Mendes, Jairo Marques e Flávia Oshima

De 18 de abril a 10 de maio, estão abertas as inscrições para a 3ª Jornada do Conhecimento da Fundação Volkswagen. O evento terá como tema “Avanços e oportunidades para a educação inclusiva no Brasil”. A Jornada acontecerá no dia 24 de maio, das 8h às 12h, em São Paulo (SP). As vagas são limitadas e gratuitas.

Nesta edição, Jairo Marques (especialista em Jornalismo Social e colunista da Folha de São Paulo) e Rodrigo Hübner Mendes (Mestre em Gestão da Diversidade e Superintendente do Instituto Rodrigo Mendes) dialogarão sobre as conquistas e desafios da inclusão na educação brasileira. O bate-papo será mediado pela jornalista Flávia Yuri Oshima, vencedora do Prêmio ABMES de Jornalismo de Educação em 2017.

A Jornada do Conhecimento é uma série de eventos gratuitos que reúne especialistas para discutirem temas contemporâneos relacionados à missão e às causas apoiadas pela Fundação Volkswagen: mobilidade urbana, mobilidade social e inclusão de pessoas com deficiência.

Acesse a página do evento para mais informações e faça sua inscrição gratuitamente!

Avanços e oportunidades para a educação inclusiva no Brasil

A Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva, publicada pelo Ministério da Educação (MEC) em 2008, afirma que “a educação inclusiva constitui um paradigma educacional fundamentado na concepção de direitos humanos, que conjuga igualdade e diferença como valores indissociáveis”.

O documento resultou de um intenso debate, realizado em nível nacional e internacional, objetivando romper com a lógica de exclusão que historicamente segregou da escola regular alunos com deficiência, transtorno do espectro autista e altas habilidades e superdotação. Outro marco importante desse movimento, que inspirou a política do MEC, foi a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, aprovada pela Organização das Nações Unidas em 2006 e ratificada pelo Brasil também em 2008.

Desde então, o País tem conquistado avanços fundamentais no âmbito da educação inclusiva, sobretudo no acesso à escolarização. De acordo com o Censo Escolar, realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o número de matrículas de alunos com deficiência vem aumentando ano a ano, especialmente nas escolas públicas, e ultrapassou 92% em 2018. Porém, ainda há muitos desafios a serem enfrentados, desde a acessibilidade das construções escolares até as barreiras atitudinais, por exemplo.

 
O conteúdo do nosso site pode ser acessível em Libras usando o VLibras