Prêmio Fundação Volkswagen anuncia organizações vencedoras

Programa de alcance nacional premiou três organizações sem fins lucrativos que atuam em Mobilidade Urbana, Mobilidade Social e Inclusão de Pessoas com Deficiência
Publicado em
Amanda Lima (Instituto MeViro), Lilian Prado (ONG Acreditar) e Carlos Eduardo Ronca (Instituto Aromeiazero): representantes das organizações vencedoras

A dedicação para promover e apoiar organizações sem fins lucrativos que desenvolvam tecnologias sociais e educacionais inovadoras rendeu muitas comemorações nesta quinta-feira, 28 de novembro, em São Paulo (SP). As três organizações vencedoras da 1ª edição do Prêmio Fundação Volkswagen foram avaliadas a partir do potencial de transformação social do negócio e receberam, cada uma, um prêmio no valor de R$ 100 mil. Além disso, ao longo de 2020, terão assessoria pós-investimento, a fim de garantir a efetividade do uso do recurso financeiro.

“O Prêmio Fundação Volkswagen nasceu de um desejo da instituição de aproximar o terceiro setor das inovações e estratégias dos negócios de impacto social, que já são uma realidade em todo o mundo. Para isso, mais do que uma premiação, o percurso construído ao longo dos últimos meses foi fundamental para garantir a perenidade e a sustentabilidade das soluções finalistas. Estamos certos de que todos saímos mais fortalecidos e inspirados desse processo, prontos para transformar positivamente a realidade em que vivemos”, celebrou Vitor Hugo Neia, Diretor de Administração e Relações Institucionais da Fundação VW.

Realizada em parceria com a Yunus Corporate Social Innovation, unidade da Yunus Negócios Sociais (empresa ligada ao Nobel da Paz Muhammad Yunus e referência mundial no apoio e desenvolvimento de negócios com foco em impacto social e ambiental), a iniciativa contemplou um programa de aceleração de doze semanas, com foco no desenvolvimento de seis organizações finalistas, desenhado para alavancar e sustentar o impacto de seus projetos.

“Em nome da Fundação, agradeço a todos vocês pela dedicação e comprometimento durante a etapa de aceleração. Esperamos que os conhecimentos compartilhados multipliquem-se e produzam movimentos, traduzindo-se em benefícios duradouros para as organizações e a própria sociedade”, enfatizou Daniela de Avilez Demôro, Diretora-Superintendente da Fundação Volkswagen.

Ao fim do processo, três organizações relacionadas às causas abraçadas pela Fundação –  Mobilidade Urbana, Mobilidade Social e Inclusão de Pessoas com Deficiência – foram selecionadas por critérios que incluíram, por exemplo, escopo e maturidade da solução.

Confira abaixo as organizações e projetos contemplados:

Mobilidade Urbana

Projeto “Viver de Bike” – Instituto Aromeiazero

Localidade: São Paulo (SP)

Projeto estruturado a partir de um curso de mecânica básica de bicicletas e empreendedorismo. Cada aluno reforma uma bicicleta durante as aulas e fica com ela ao final. O excedente é vendido ou alugado para passeios, ações em escolas e outras formas de geração de renda.

Mobilidade Social

Projeto “As Marias” – ONG Acreditar

Localidade: Glória de Goitá (PE)

Projeto focado em mulheres de baixa renda com atuação em diversos segmentos, como comércio, serviço, indústria e agricultura familiar, por meio da educação empreendedora, microcrédito orientado e desenvolvimento local.

Inclusão de Pessoas com Deficiência

Projeto “Imersão Maker” – Instituto MeViro

Localidade: Brasília (DF)

Projeto de aprendizagem experiencial em que jovens com deficiência desenvolverão habilidades no uso de tecnologias de fabricação digital para a criação de projetos assistivos.

Das organizações sociais aos negócios de impacto

Além do apoio técnico e financeiro, levar a expertise e experiências dos negócios de impacto às organizações sociais foi um dos objetivos do 1º Prêmio Fundação Volkswagen. O intuito é que elas fortaleçam sua atuação, estratégias e governança e, consequentemente, passem a depender menos de doações e editais, garantindo autonomia, sustentabilidade e independência para definirem e alcançarem seus objetivos de médio e longo prazo.

Dessa maneira, a parceria com a Yunus Corporate Social Innovation foi fundamental para o desenvolvimento de um programa robusto que ajudasse as organizações sociais apoiadas a amplificar seu impacto social, de forma escalável e perene, além de favorecer fortemente o potencial transformador do próprio Grupo Volkswagen.

“É importante destacar que, além dos temas de mobilidade social e inclusão de pessoas com deficiência, também buscamos projetos com soluções ligadas à mobilidade urbana – tema central ao próprio negócio do Grupo Volkswagen. Essa escolha fortalece a Fundação VW e seu potencial para experimentar inovações sociais conectadas ao core business do Grupo. Acreditamos que, quanto mais próximas elas estiverem do negócio das companhias, maior seu poder de transformar as próprias empresas”, explicou Túlio Notini, Diretor da Yunus Corporate no Brasil.

O recurso será utilizado ao longo de 2020 para os contemplados testarem novos modelos de negócio, buscando sustentabilidade financeira do projeto, com acompanhamento da Fundação Volkswagen e da Yunus Corporate Social Innovation. O 1º Prêmio Fundação Volkswagen recebeu mais de 400 inscrições, de todos os Estados do Brasil e Distrito Federal. Para conhecer as seis organizações finalistas, acesse uma das reportagens sobre o prêmio.

 
O conteúdo do nosso site pode ser acessível em Libras usando o VLibras