Projeto Costurando o Futuro forma segunda turma de empreendedores no Paraná

Cerca de 170 participantes foram certificados para atuar profissionalmente
Publicado em

No dia 16 de junho, em Francisco Beltrão (PR), ocorreu a cerimônia de encerramento e formatura da segunda turma paranaense do projeto Costurando o Futuro. A iniciativa foi criada pela Fundação Volkswagen em 2009, na região do ABCD paulista. No Paraná, o projeto é desenvolvido desde 2017 por meio de acordo firmado entre a Volkswagen do Brasil e o Governo do Estado. A Aliança Empreendedora é responsável pela realização, com acompanhamento técnico da Fundação.

Com esta edição, a iniciativa chega a 271 empreendedores certificados e mais de 64 produtos desenvolvidos. No primeiro semestre de 2018, o Costurando o Futuro envolveu dez municípios do sudoeste paranaense, localizados na região de Francisco Beltrão: Ampére, Boa Esperança do Iguaçu, Manfrinópolis, Marmeleiro, Nova Esperança do Sudoeste, Pérola d’Oeste, Pranchita, Salgado Filho, Santa Izabel do Oeste e Santo Antônio do Sudoeste. A seleção dos alunos foi conduzida pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Estado do Paraná (SEDS), com apoio dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de cada cidade.

O Costurando o Futuro tem o objetivo de mobilizar, capacitar e apoiar microempreendedores em situação de vulnerabilidade social para a costura, conectando-os a uma rede de outros empreendedores e apoiadores. Além da formação para o empreendedorismo, os participantes são capacitados em corte e costura, em parceria com a Academia Burda, e design artesanal, módulo oferecido pela Badu Design e com foco no reaproveitamento de tecidos e outros materiais para o artesanato voltado à sustentabilidade. Ao final do curso, os microempreendedores têm acesso a crédito subsidiado pela agência Fomento Paraná, contam com mentoria da Aliança Empreendedora e podem integrar redes já estabelecidas pelo Costurando o Futuro no Estado.

Na cerimônia de encerramento, cerca de 170 participantes foram certificados para atuar profissionalmente, transformando a realidade de suas famílias e comunidades. Além disso, os formandos foram convidados a participar do concurso Meu Negócio é Costura, reconheceu as melhores ideias de produtos sociais feitos com materiais sustentáveis. “Hoje sou empregada doméstica. Minha família me apoiou muito quando soube que eu iria fazer o curso. Pretendo comprar uma máquina, costurar para fora e para minha família também. Quando a gente se dedica e corre atrás, consegue o que quiser!” – comemorou Ediana Vieira Azeredo, futura empreendedora de Pérola d’Oeste.

Costurando o Futuro

O Costurando o Futuro é uma iniciativa da Fundação Volkswagen em parceria com a Aliança Empreendedora. Seu objetivo é articular e compartilhar conhecimento, contribuindo para o desenvolvimento de empreendedores. Parte dos produtos é feita com materiais doados pelo Grupo Volkswagen e seus fornecedores (uniformes e tecidos automotivos), que deixaram de ser descartados.

Pela técnica do upcycling, que transforma resíduos em produtos de qualidade, o ciclo de vida dos materiais é ampliado, contribuindo para a sustentabilidade do planeta. O projeto acontece na região do ABCD paulista, envolvendo os municípios de Santo André (SP), São Bernardo do Campo (SP), São Caetano do Sul (SP) e Diadema (SP), e na capital. Além disso, no Paraná, onde há outro núcleo do Costurando o Futuro, a Fundação é intermediária técnica das ações, que contam com o apoio da Volkswagen do Brasil.